domingo, 12 de agosto de 2012

Feliz Dia dos Pais

Quando vi essa imagem no Facebook, me lembrei de todas as vezes em que perguntei para os meus pais o que eles queriam ganhar no seu dia. "Nada", eles respondiam. Nunca entendi o que significava "nada" até me tornar mãe.
Presentear alguém que a gente ama com gravatas, meias, motosserras, cadeira do papai, etc é muito útil e legal. Mas o que eles querem mesmo é que nós, filhos,
 sejamos felizes, porque a nossa felicidade é o modo de dizer à eles "obrigado por tudo que fez por mim, pai. Obrigado por ter me orientado a ser a pessoa que sou."
Eu não poderei abraçar o meu pai no dia dele, mas ele sabe que estou com ele, em espírito, TODOS os dias.
Pai, firme aí! E só pra você saber: EU ESTOU FELIZ!!
Estando tão longe de casa, parece que essas datas se intensificam para uns e se tornam sem sentido para outros. Nunca fiz muita questão de comemorar essas datas tão comerciais. Tudo gira em torno de presentear com coisas materiais e as reuniões familiares ficam em segundo plano.
Este ano, como estou meio dona-de-casa, quis fazer um almoço especial.
Esta receita já fiz com abacaxi e laranja, com pimentão verde, amarelo, laranja e vermelho. Desta vez, tentei com vinho tinto, Invenção minha, pelo menos acho que ninguém tentou. Procurei algumas receitas pela internet e achei uma bem legal, feita pelo Edu Guedes. Não tinha todos os ingredientes, então improvisei.
Por favor, não façam o que eu fiz! HAHAHAHAHAHA  quase coloquei fogo na cozinha, parecia festa junina, com óleo e vinho explodindo pra todos os lados. Nas fotos, parece tudo bem planejado, mas não se enganem.
Vou explicando passo a passo.





Panela elétrica -  ideal para grelhados, yakisoba e ... minha Picanha Especial


Ingredientes - 600g de picanha cortadas em fatias grossas, 1 cebola cortada em rodelas grossas, 3 dentes de alho cortados em lâminas, 2 cubos de caldo de picanha, 1 taça de vinho, azeite e sal a gosto. O vinho, usei o que tinha na geladeira, comprado a alguns meses :/


Parecem bem comportados, né? Humpf! 
Eu, a cozinheira perfeita, coloquei azeite e vinho na panela QUENTE. A cozinha parecia dia de Hanabi, ou festa junina. As geladeiras, teto, mesa, EU, ficaram cheias de respingos vermelhos, parecia um mar de sangue. Então, desliguei a panela e comecei de novo. Coloquei azeite e liguei a panela. Fiz uma cama com o alho - já dourado - coloquei a carne e reguei com o vinho.


e TAMPEI  a panela.


Coloquei sal (de um lado só dos bifes) e acrescentei o caldo de picanha, dissolvido em duas colheres de água no microondas. Após dourar de um lado, virei e joguei o alho por cima. A cebola, só coloquei quando os bifes já estavam quase no ponto.


Toque final, salsinha desidratada.
A picanha ficou macia, porque foi cozida no próprio vapor e depois  que secou, o vinho deu cremosidade e caramelizou a carne. Não sei se são esses os termos, mas acho que deu pra entender. 


Salada pra completar


Olha que coisa mais fofa! O shamoji - colher para pegar arroz -  nunca mais vai ficar pendurada na panela


Pedi para os dois colocarem camiseta pra foto. Ninguém merece almoçar de cuecas no Dia dos Pais, né?


Descobri que engordar esses dois é bom demais! Estão faltando muitas pessoas na mesa - Amanda, Laís, Keity, meu pai... mas vamos comer por eles!


Ia fazer feijão, mas sobrou feijoada da janta e como desperdiçar é pecado... Não combinou muito, mas brasileiro é brasileiro, o importante é comer.


Em casa, como igual leão. Na fábrica, igual passarinho. Ah, não consigo comer em potinhos... 


É tão bom cozinhar e ouvir "ficou bom, mesmo hein?"


Sorvete de tangerina de sobremesa. Pensaram que ia ser uma torta vienense ou profiteroles? Depois de horas na cozinha, um sorvetinho de palito tá bom demais!


2 comentários:

  1. Parece que ficou uma delicia hein?!
    Kkkkkkkk eu do fiquei imaginando a sujeira,,,, sua cara de espanto e "alegria" rs
    Ei já temperei a carne asim, mas dentro de um saco plástico e giz no dia seguinte, mas de outra forma.
    Estou a tempos querendo comprar uma panela dessas, falta coragem e lugar para guardar kkkkkkkk
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E ficou mesmo! Na receita do Edu Guedes falava em deixar no vinho umas 4 horas. Se eu tivesse feito isso, talvez eu não tivesse tomado banho de azeite e vinho kkkkkkkkk
      E essa panela paguei baratinho, no Donki. To ensaiando pra comprar "A" panela, rsrs.

      Excluir